Seja por sempre e em todas partes conhecido, adorado, bendito, amado, servido e glorificado o diviníssimo Coração de Jesus e o Imaculado Coração de Maria.

"Roma perderá a Fé e se tornará a sede do Anticristo"

Nossa Senhora em La Salette

Attende Domine, et miserere, quia peccavimus tibi.

Pax Domini sit semper tecum

Item 4º do Juramento Anti-modernista São PIO X: "Eu sinceramente mantenho que a Doutrina da Fé nos foi trazida desde os Apóstolos pelos Padres ortodoxos com exatamente o mesmo significado e sempre com o mesmo propósito. Assim sendo, eu rejeito inteiramente a falsa representação herética de que os dogmas evoluem e se modificam de um significado para outro diferente do que a Igreja antes manteve. Condeno também todo erro segundo o qual, no lugar do divino Depósito que foi confiado à esposa de Cristo para que ela o guardasse, há apenas uma invenção filosófica ou produto de consciência humana que foi gradualmente desenvolvida pelo esforço humano e continuará a se desenvolver indefinidamente" - JURAMENTO ANTI-MODERNISTA

____

Eu conservo a MISSA TRADICIONAL, aquela que foi codificada, não fabricada, por São Pio V no século XVI, conforme um costume multissecular. Eu recuso, portanto, o ORDO MISSAE de Paulo VI”. - Declaração do Pe. Camel.

____

Ao negar a celebração da Missa Tradicional ou ao obstruir e a discriminar, comportam-se como um administrador infiel e caprichoso que, contrariamente às instruções do pai da casa - tem a despensa trancada ou como uma madrasta má que dá às crianças uma dose deficiente. É possível que esses clérigos tenham medo do grande poder da verdade que irradia da celebração da Missa Tradicional. Pode comparar-se a Missa Tradicional a um leão: soltem-no e ele defender-se-á sozinho”. - D. Athanasius Schneider

"Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa (desde que não se falte à verdade), sendo obra de caridade gritar: Eis o lobo!, quando está entre o rebanho, ou em qualquer lugar onde seja encontrado".- São Francisco de Sales

“E eu lhes digo que o protestantismo não é cristianismo puro, nem cristianismo de espécie alguma; é pseudocristianismo, um cristianismo falso. Nem sequer tem os protestantes direito de se chamarem cristãos”. - Padre Amando Adriano Lochu

"MALDITOS os cristãos que suportam sem indignação que seu adorável SALVADOR seja posto lado a lado com Buda e Maomé em não sei que panteão de falsos deuses". - Padre Emmanuel

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Se D. Lefebvre incomoda, então é bom sinal


Stat crux dum volvitur orbis – A Cruz permanece intacta enquanto o mundo gira.

Se em nossos tempos se repudia um arcebispo que disse e praticou a máxima: “Tradidi quod et accepi, Transmiti o que recebi”, então estamos diante da prova de que as contínuas tribulações e o justo castigo de Deus, por mais que nos aflija, é correto.


Se a maioria, diante das abominações diárias cometidas pelos católicos – a começar pelo topo da Hierarquia – não consegue identificar o certo do errado, a ponto de torcer o nariz exatamente para quem protestou até o fim contra esta vergonhosa traição, então bem merecemos o castigo que nos é infligido.

Se a Tradição incomoda, se D. Lefebvre incomoda, então é bom sinal. Cristo incomodava também, e ele prometeu aos seus seguidores verdadeiros que não encontrariam conforto – e muito menos apoio ou consenso – mas apenas desprezos, perseguições e tribulações, porque se o mundo nos odeia agora, é porque antes de nós odiou a Ele.

Nosso Senhor que é a Inocência e a Perfeição teve uma queda de popularidade baixíssima, a ponto de Barrabás o superar na preferência popular. Quanto mais Lefebvre, um simples arcebispo. Bom deve ser Francisco, que é amado pelos ateus, pelos gayzistas, feministas, protestantes, libertários, comunistas, anarquistas, anticlericais, maçons e todo o mundo que não é católico – e nem deseja se converter. Lefebvre? Estranho seria se ele fosse estimado pela maioria.

E graças a Deus ele não é. É sinal de perdição ser amado pelo mundo, porque o Mundo, segundo São João, está posto no Maligno. Se o mundo é do Diabo e o mundo gosta de algum membro da Igreja, com certeza este alguém não deve estar observando as coisas de Deus, porque defender os direitos de Deus só implica em trilhar por um caminho pedregoso e ríspido até o último suspiro.


Nenhum comentário:

Postar um comentário