Seja por sempre e em todas partes conhecido, adorado, bendito, amado, servido e glorificado o diviníssimo Coração de Jesus e o Imaculado Coração de Maria.

"Roma perderá a Fé e se tornará a sede do Anticristo"

Nossa Senhora em La Salette

Attende Domine, et miserere, quia peccavimus tibi.

Pax Domini sit semper tecum

Item 4º do Juramento Anti-modernista São PIO X: "Eu sinceramente mantenho que a Doutrina da Fé nos foi trazida desde os Apóstolos pelos Padres ortodoxos com exatamente o mesmo significado e sempre com o mesmo propósito. Assim sendo, eu rejeito inteiramente a falsa representação herética de que os dogmas evoluem e se modificam de um significado para outro diferente do que a Igreja antes manteve. Condeno também todo erro segundo o qual, no lugar do divino Depósito que foi confiado à esposa de Cristo para que ela o guardasse, há apenas uma invenção filosófica ou produto de consciência humana que foi gradualmente desenvolvida pelo esforço humano e continuará a se desenvolver indefinidamente" - JURAMENTO ANTI-MODERNISTA

____

Eu conservo a MISSA TRADICIONAL, aquela que foi codificada, não fabricada, por São Pio V no século XVI, conforme um costume multissecular. Eu recuso, portanto, o ORDO MISSAE de Paulo VI”. - Declaração do Pe. Camel.

____

Ao negar a celebração da Missa Tradicional ou ao obstruir e a discriminar, comportam-se como um administrador infiel e caprichoso que, contrariamente às instruções do pai da casa - tem a despensa trancada ou como uma madrasta má que dá às crianças uma dose deficiente. É possível que esses clérigos tenham medo do grande poder da verdade que irradia da celebração da Missa Tradicional. Pode comparar-se a Missa Tradicional a um leão: soltem-no e ele defender-se-á sozinho”. - D. Athanasius Schneider

"Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa (desde que não se falte à verdade), sendo obra de caridade gritar: Eis o lobo!, quando está entre o rebanho, ou em qualquer lugar onde seja encontrado".- São Francisco de Sales

“E eu lhes digo que o protestantismo não é cristianismo puro, nem cristianismo de espécie alguma; é pseudocristianismo, um cristianismo falso. Nem sequer tem os protestantes direito de se chamarem cristãos”. - Padre Amando Adriano Lochu

"MALDITOS os cristãos que suportam sem indignação que seu adorável SALVADOR seja posto lado a lado com Buda e Maomé em não sei que panteão de falsos deuses". - Padre Emmanuel

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

A Imagem e as previsões de Nossa Senhora do Bom Sucesso

Há mais de 400 anos, no Equador, a Virgem Santíssima anunciou:
"Eu serei especialmente conhecida no século XX"
Diogo Waki

Ainda pouco conhecida no Brasil, comemora-se a 2 de fevereiro uma invocação das mais insignes da mariologia.
O homem moderno está acostumado a acreditar apenas naquilo que vê, e habituado a considerar as pessoas não pelo que são, mas por aquilo que fazem. Para ele talvez seja difícil entender a exaltação da vida apagada de clausura, de sacrifícios e orações, na qual muitas vezes a Providência faz suas maiores revelações
Madre Mariana de Jesus Torres, uma das
fundadoras do Mosteiro Real da Imaculada Conceição de Quito, foi uma grande mística que abraçou o estado de perfeição evangélica conforme o ensinamento do próprio Nosso Senhor Jesus Cristo e o levou a grau de heroicidade. Deus a escolheu para ser depositária de uma série de revelações a propósito do século em que viveu e também dos futuros. Foi a ela que Nossa Senhora apareceu ordenando que mandasse esculpir uma imagem sob a invocação de Nossa Senhora do Bom Sucesso.
Nascida na Espanha, na Província de Viscaya, no ano do Senhor de 1563, Mariana bem cedo sentiu a vocação religiosa. Aos 13 anos de idade, com permisão do Rei Filipe II, abandonou seu país, juntamente com sua tia, Madre Maria de Jesus Talvada, e partiu para Quito, cidade situada em terras de colonização espanhola na América do Sul, a fim de ali estabelecer o primeiro mosteiro nas Américas em honra da Imaculada Conceição.
A Europa estava conturbada por diversas questões político-religiosas e a Igreja Católica havia perdido influência em vários países. Em conseqüência, pessoas, grupos ou até mesmo nações inteiras abandonaram o seio bendito da Santa Igreja.
Para compensar a perda nas metrópoles, a Providência suscitou pessoas que, abandonando tudo em seus países de origem, se sentiam chamadas a conquistar almas para a Igreja nas colônias, junto a povos pagãos. Assim, enquanto São Francisco Xavier atuava na Gndia e no Japão, o Bem-aventurado Padre José de Anchieta evangelizava o Brasil etc.
Foi movido por esse mesmo espírito que, em 1576, atendendo a pedidos insistentes de influentes famílias da cidade de Quito, o rei de Espanha enviou para o Equador um grupo de freiras da Ordem das Concepcionistas, fundada, algumas décadas antes, por uma religiosa portuguesa, Santa Beatriz da Silva.
A serpente infernal tenta esmagar a obra no seu nascedouro
Entre os atributos santíssimos de Nossa Senhora, um dos que mais provoca a indignação e o ódio de Lúcifer e seus sequazes é, certamente, a Imaculada Conceição. Nossa Senhora, escolhida para ser Mãe do Divino Salvador, concebida sem pecado original, co-redentora e medianeira universal de todos os dons divinos, foi fiel a todas as graças desde o primeiro instante de sua concepção e, em nenhum momento, foi escrava do demônio, tendo sido elevada aos Céus e coroada como Rainha dos Céus e da Terra.
As potestades infernais não poderiam ficar satisfeitas com a extensão da devoção à Imaculada Conceição por toda a Terra. Não espanta, assim, que uma terrível tempestade tenha ameaçado naufragar a embarcação em que viajavam as religiosas espanholas. Em meio à tormenta, Madre Maria e a menina viram no mar uma serpente monstruosa de sete cabeças, que movimentando as ondas ameaçava destroçar a frágil embarcação.
A menina deu um grito e caiu desfalecida. Sua tia, Madre Maria, pediu a Deus que as salvassem naquele grande perigo. Terminada esta oração, a tempestade milagrosamente cessou, o dia clareou e ouviram o clamor de terrível voz, dizendo: "Não permitirei a fundação; não permitirei que progrida; não permitirei que se conserve até o fim dos tempos e a todo momento a perseguirei".
Fundação do mosteiro
No dia 13 de janeiro de 1577, na fundação do Real Mosteiro da Imaculada Conceição, professaram as sete religiosas fundadoras, nas mãos de um sacerdote franciscano. Mariana de Jesus não pode participar da cerimônia por ter apenas treze anos.
É nesse local bendito que, durante 59 anos, Dar-se-á a longa Via Crucis desta grande mística, crescida à sombra da Cruz e transformada em vítima expiatória da justiça divina.
Deus permitirá que fosse muito tentada pelo demônio.
Às vezes ele se apresentava em forma de uma enorme serpente que a rondava de dia e de noite; outras vezes, insuflava o ódio de freiras inobservantes, vendo-a tão severa para consigo mesma e tão exigente no cumprimento da regra de São Francisco, nas diversas vezes em que foi eleita priora. Em conseqüência desse ódio chegou a ser injustamente encarcerada na prisão do convento.
Aparições de Nossa Senhora do Bom Sucesso
 A esta alma -- esculpida por longos anos de penitências, orações e sacrifícios -- Nossa Senhora apareceu diversas vezes sob a invocação do Bom Sucesso.
O Mosteiro da Imaculada Conceição sempre estivera sob a assistência religiosa dos Frades Franciscanos. No entanto, algumas freiras relapsas quanto à Regra não aceitando a influência franciscana, urdiram uma conspiração e conseguiram de Roma que o Convento ficasse sob a tutela do Bispo local.
Vendo o abandono em que ficaram as religiosas fiéis e o risco de extinção do Mosteiro, Nossa Senhora apareceu à Madre Mariana de Jesus Torres:
"É vontade de meu Filho Santíssimo que tu mesma mandes executar uma estátua minha, tal como me vês e a coloques sobre a cátedra da Priora. Colocareis em minha mão direita o báculo e as chaves da clausura, em sinal de minha propriedade e autoridade. Colocarás em minha mão esquerda o meu Divino Filho. Eu mesma governarei este meu Convento".
Mariana hesitou. Como dar cabo àquela tão difícil tarefa? Em primeiro lugar, como conseguir a autorização do Bispo? Depois, como conseguir os recursos, e qual escultor seria capaz de esculpir a imagem?
Senhora, insistiu a religiosa - como realizar tudo isto se nem mesmo sei qual a sua estatura exata?
- Dê-me o cordão franciscano que trazes na cintura - disse-lhe a Virgem.
Neste momento os três Arcanjos, São Miguel, São Rafael e São Gabriel, que A assistiam, fizeram uma profunda reverência diante de Nossa Senhora e com enorme respeito ergueram a coroa. Ela, então, tomou o cordão e colocou uma das extremidades sobre sua cabeça e ordenou que Madre Mariana tocasse com a outra nos seus pés. Ora, como o cordão era muito curto, houve um milagre e ele esticou-se até alcançar a altura exata da Virgem.
"Aqui tens minha filha, a medida de tua Mãe do Céu, entrega-a a meu servo Francisco del Castillo, explicando-lhe minhas feições e minha postura: ele trabalhará exteriormente minha imagem porque tem consciência delicada e observa escrupulosamente os mandamentos de Deus e da Igreja. Nenhum outro será digno desta graça. Tu, de tua parte, ajuda-o com tuas orações e com teu humilde sofrimento".
Cheia de encanto a Madre tomou aquela preciosíssima relíquia e durante toda a vida a levou consigo.
Nossa Senhora prevê o futuro do Equador e a morte do Bispo
Nas aparições seguintes Nossa Senhora do Bom Sucesso voltou a insistir para que a Madre mandasse executar, o quanto antes, a imagem, repreendendo-a por sua demora. Para convencê-la profetizou o futuro do Equador, do Bispo e outros acontecimentos já realizados como as proclamações dos dogmas da infalibilidade papal e da Imaculada Conceição.
- "Minha Filha muito amada, porque és lenta e pesada de coração? Quantos crimes ocultos se cometem nesta população e nas vizinhas! Precisamente por esse motivo se fundou o Convento neste local, a fim de que Deus fosse desagravado no mesmo lugar em que Ele é ofendido e desconhecido; e por essa razão o demônio, inimigo de Deus e dos justos, tanto agora como nos séculos futuros porá em jogo toda a sua maliciosa astúcia para acabar com este Convento.
Em seguida, Nossa Senhora revelou a Madre Mariana de Jesus que aquela Colônia tornar-se-ia independente sob o nome de Equador. Profetizou também que, "no século XIX, virá um presidente verdadeiramente cristão, varão de caráter a quem Deus Nosso Senhor dará a palma do martírio na praça onde está este meu Convento. (ver quadro -- Modelo de Estadista católico) Ele consagrará esta Pátria ao Divino Coração de Meu Filho Santíssimo, e esta consagração sustentará a Religião Católica nos anos posteriores, os quais serão terríveis para a Igreja".
"Hoje mesmo, quando amanhecer, irás ter com o Bispo e lhe dirás que eu mandei esculpir minha Imagem para ser colocada à testa de minha Comunidade, a fim de tomar posse completa daquilo que, a tantos títulos, me pertence. E, como prova da veracidade do que lhe dirás, morrerá ele dentro de dois anos e dois meses, devendo desde já preparar-se para o dia da eternidade, porque a sua morte será violenta".
"Ele deverá consagrar minha Imagem com os Santos sleos, e pôr-lhe-á o nome de Maria do Bom Sucesso da Purificação ou Candelária. Nessa ocasião solene, ele mesmo colocará na mão direita de minha Imagem, junto com o báculo, as chaves desta clausura, como prova de que entrega a Mim o governo das esposas de meu Filho Santíssimo, transferindo todos os seus cuidados para minha maternal e amorosa proteção.
"Então, nesse momento, Eu tomarei posse completa desta minha casa, e obrigar-Me-ei a guardá-la ilesa e livre de todo atropelo até o fim dos tempos, exigindo de minhas filhas contínuo espírito de caridade e sacrifício".
Como se realizou o desejo de Nossa Senhora
Depois de muito hesitar, Madre Mariana acabou falando com Dom Salvador Ribera. O Bispo imediatamente concordou:

-"Madre, por que Vossa Reverência não me chamou antes? É Deus quem assim dispõe e não devemos ficar surdos à sua voz e aos seus apelos. Ele é livre para pedir às suas criaturas o que lhe aprouver".
Desta maneira foram feitas as chaves de prata. O Cabido encarregou-se da coroa de ouro e o báculo a cargo da Marquesa Maria de Iolanda, parente do Rei de Espanha.
Quando a marquesa soube que lhe era pedido oferecer o báculo de Nossa Senhora, respondeu agradecida:
"Madre, teria ficado muito ressentida se Vossa Reverência não me tivesse avisado primeiro. Agradeço a sua atenção e carinho e digo que não consentirei em absoluto que ninguém mais contribua para o báculo da Imagem de minha celeste Mãe e Senhora. Fornecerei todo o material e a mão de obra. Tenho o suficiente para isto e ainda que não o tivesse, venderia meus haveres para consegui-lo. Peço me indique como quer que se faça e nada mais. Eu me encarregarei de todo o resto".
Francisco del Castillo, por sua vez, disse que se sentia indigno de ser o escultor de tão insigne imagem, mas que o faria da melhor maneira possível. Perguntado em quanto sairia o trabalho, respondeu que não cobraria nada e que se dava por muito bem pago por ter sido escolhido para tão sublime missão.
Confessou-se, comungou e no dia 15 de setembro de 1.610 iniciou a tão esperada obra. Trabalhou longos dias a fio, sempre sob a orientação de Madre Mariana de Jesus Torres. Quando faltavam apenas alguns retoques finais, viu-se que a imagem, ainda que satisfatória, nem de longe representava o que a Madre havia presenciado. Francisco então saiu em viagem à procura de tintas para concluir o trabalho.
Como a Madre Mariana descreve o milagre
"Na oração da Comunidade da tarde do dia 15, Deus preveniu-me que, na madrugada do dia 16, eu presenciaria suas misericórdias em favor de nosso Convento e do povo em geral. Pediu que me preparasse para receber essas graças com penitência e orações noturnas.
Assim o fiz. Os Arcanjos São Miguel, São Gabriel e São Rafael dirigiram-se para o trono da Rainha dos Céus.
São Miguel, saudando-A submisso, disse:
- "Maria Santíssima, Filha de Deus Pai".
E São Gabriel acrescentou:
- "Maria Santíssima, Mãe de Deus Filho".
E São Rafael concluiu:
- "Maria Santíssima, Esposa Puríssima do Espírito Santo".
"Em seguida chamaram a milícia celeste e cantaram todos juntos: Maria Santíssima, Templo Sacrário da Santíssima Trindade".
"Nisto apareceu S. Francisco de Assis, acompanhado pelos três Arcanjos e seguidos da milícia celeste. Aproximaram-se então da Imagem semiconcluída e, num instante, a refizeram.
"Entrementes, a Imagem estava totalmente iluminada como se estivesse no meio do sol. A Santíssima Trindade olhava comprazida e os anjos cantavam o "Salve Sancta Parens".
"A Rainha dos Anjos, no meio de todas essas alegrias, aproximou-se da Imagem e nela penetrou, à maneira de raios do sol que incidem em formosos cristais. Naquele momento a Imagem ficou resplandescente, como se adquirisse vida e cantou com celeste harmonia o "Magnificat"! Isto aconteceu às três horas da manhã".
"Essa obra não é minha"
No dia seguinte, como era esperado, Francisco, o escultor, chegou de viagem com as tintas. Quando viu a imagem assim concluída caiu de joelhos e exclamou:
"Madres, que vejo? Esta primorosa Imagem não é obra minha! Não sei o que sente o meu coração: mas é obra angélica, pois um trabalho desse gênero não se pode produzir na terra com mão de frágil barro. Oh não! Escultor algum, por hábil que seja, poderá jamais imitar sequer tanta perfeição e tão maravilhosa beleza".
Levantando-se em seguida, pediu papel e tinta para lavrar um documento, jurando que aquela bendita Imagem não fora obra sua, mas de anjos, porque a encontrara acabada de outra maneira, que não aquela deixada no coro superior do Mosteiro da Imaculada Conceição, seis dias antes.
Fátima confirma Bom Sucesso
O que impressiona nas revelações de Nossa Senhora do Bom Sucesso é a previsão de fatos que se cumpriram nos séculos seguintes entre os quais cumpre destacar a descrição da crise e dos castigos previstos em Fátima para os nossos dias.
Modelo de estadista católico
No dia 6 de agosto de 1875, primeira sexta-feira do mês, depois de comungar na Igreja de São Domingo, e de dar, no gabinete de sua casa, os últimos retoques à Mensagem que deveria ler na abertura do Congresso no dia 10, o recém-reeleito presidente do Equador, Gabriel Garcia Moreno, dirige-se ao Palácio Presidencial. Antes de entrar, Garcia Moreno quis adorar o Santíssimo Sacremamento que estava exposto na Catedral. Em plena calçada, o facão assassino do traidor Rayo atingia a cabeça do mártir cristão, pois foi assassinado por ódio à Fé.
Previsões: Infalibilidade papal e Imaculada Conceição
"A infalibilidade Papal será declarada Dogma de Fé pelo mesmo Papa escolhido para proclamar Dogma o Mistério de minha Imaculada Conceição. Ele será perseguido e encarcerado no Vaticano pela injusta usurpação dos Estados Pontifícios, pela maldade, inveja e avareza de um monarca terreno".
A vitória da Santa Igreja: Embalada nos braços de um varão
"E alegre e triunfante, qual terna menina, ressurgirá a Igreja e adormecerá brandamente, embalada em mãos de hábil coração maternal do meu filho eleito muito querido daqueles tempos, ao qual, se dócil prestar ouvido às inspirações da graça - sendo uma delas a leitura das grandes misericórdias que meu Filho Santíssimo e Eu temos usado contigo - enchê-lo-emos de graças e dons muito particulares. Fá-lo-emos grande na terra e muito maior no Céu, onde lhe temos reservado um assento muito precioso, porque, sem temor dos homens, combateu, pela verdade e defendeu impertérrito os direitos de sua Igreja, pelo que bem o poderão chamar "martir".
Versos de autoria de Madre Mariana de Jesus Torre
Mira que te mira Dios
Mira que te esta mirando
Mira que deves morir
Mira que no sabes quando".
Note que Deus te olha
Note que Ele está te olhando
Note que deves morrer
Note que não sabes quando

_____________________
Fontes de referência
(1) Vida Admirable de la Revda. Madre Mariana de Jesue Torres, espanola y una de las Fundadoras del Monsterio Real de la Limpia concepción de la Ciudad de San Francisco de Quito - Fray Manuel Souza Pereira, O.F.M, Quito, 1790.
(2) Madera para Esculpir la Imagen de una Santa, Mons. Dr. Luis E. Cadena Y Almeida, The Foudation for a Christian Civilization, Inc. Bedford, NY, 1987.


Nenhum comentário:

Postar um comentário