Seja por sempre e em todas partes conhecido, adorado, bendito, amado, servido e glorificado o diviníssimo Coração de Jesus e o Imaculado Coração de Maria.

"Roma perderá a Fé e se tornará a sede do Anticristo"

Nossa Senhora em La Salette

Attende Domine, et miserere, quia peccavimus tibi.

Pax Domini sit semper tecum

Item 4º do Juramento Anti-modernista São PIO X: "Eu sinceramente mantenho que a Doutrina da Fé nos foi trazida desde os Apóstolos pelos Padres ortodoxos com exatamente o mesmo significado e sempre com o mesmo propósito. Assim sendo, eu rejeito inteiramente a falsa representação herética de que os dogmas evoluem e se modificam de um significado para outro diferente do que a Igreja antes manteve. Condeno também todo erro segundo o qual, no lugar do divino Depósito que foi confiado à esposa de Cristo para que ela o guardasse, há apenas uma invenção filosófica ou produto de consciência humana que foi gradualmente desenvolvida pelo esforço humano e continuará a se desenvolver indefinidamente" - JURAMENTO ANTI-MODERNISTA

____

Eu conservo a MISSA TRADICIONAL, aquela que foi codificada, não fabricada, por São Pio V no século XVI, conforme um costume multissecular. Eu recuso, portanto, o ORDO MISSAE de Paulo VI”. - Declaração do Pe. Camel.

____

Ao negar a celebração da Missa Tradicional ou ao obstruir e a discriminar, comportam-se como um administrador infiel e caprichoso que, contrariamente às instruções do pai da casa - tem a despensa trancada ou como uma madrasta má que dá às crianças uma dose deficiente. É possível que esses clérigos tenham medo do grande poder da verdade que irradia da celebração da Missa Tradicional. Pode comparar-se a Missa Tradicional a um leão: soltem-no e ele defender-se-á sozinho”. - D. Athanasius Schneider

"Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa (desde que não se falte à verdade), sendo obra de caridade gritar: Eis o lobo!, quando está entre o rebanho, ou em qualquer lugar onde seja encontrado".- São Francisco de Sales

“E eu lhes digo que o protestantismo não é cristianismo puro, nem cristianismo de espécie alguma; é pseudocristianismo, um cristianismo falso. Nem sequer tem os protestantes direito de se chamarem cristãos”. - Padre Amando Adriano Lochu

"MALDITOS os cristãos que suportam sem indignação que seu adorável SALVADOR seja posto lado a lado com Buda e Maomé em não sei que panteão de falsos deuses". - Padre Emmanuel

sexta-feira, 19 de maio de 2017

FÁTIMA e a Missa Tradicional


"Nossa Senhora de Fátima nos dá esperança, como disse em Fátima: “Por fim, o Meu Imaculado Coração triunfará”."

(Este sermão foi entregue em uma Missa Latina Tradicional, frequentemente assistida por católicos do Rito Latino que fugiram para as igrejas do rito oriental em vez de participar da Missa Novus Ordo)
In Nomine Patris, et Filii, et Spiritus Sancti. Amen.
Neste 100º Aniversário das aparições de Nossa Senhora de Fátima, os católicos tradicionais, que deveriam ser TODOS os católicos, regozijam-se de modo especial nas mensagens de Fátima enviadas pelo Céu para os nossos tempos difíceis. Uma das mensagens, para nossa edificação, foi quando Nossa Senhora de Fátima apareceu em 1917, os três pastorinhos que a viram, Jacinta, Francisco e Lúcia, assistiam a Missa Tradicional Latina.
A Missa Tradicional Latina que está sendo oferecida em Fátima pode vir como um choque para um número significativo de católicos nascidos na Igreja pós-Vaticano II, que só conhecem a Missa Novus Ordo. A maioria dos católicos modernos só sabem que a Missa Tradicional Latina foi proibida e permitida mais tarde, apenas com permissão e/ou com numerosas restrições; que as pessoas que frequentavam a Missa Latina Tradicional eram de alguma forma ruins ou infiéis à Igreja. As crianças de Fátima, que assistiam a Missa Tradicional Latina, eram católicas tradicionais, assim como a grande maioria dos Santos na Igreja.
Como católicos tradicionais, nós, assim como os três pastores de Fátima, somos essencialmente “católicos” que querem aderir à plenitude dos ensinamentos da Única Igreja Verdadeira fundada por Cristo. Somos católicos que desejam ir a essa Missa, a Missa Tradicional, que durante séculos gerou Santos e salvaguardou as verdades de nossa Única, Santa, Católica e Apostólica Fé. Estamos em tempos diabolicamente confusos agora, onde ser um católico tradicionalista que quer ir à Missa Latina Tradicional é ser relegado a uma minoria frequentemente desprezada, ser uma parte de um pequeno resto: “…É o que continua a acontecer no tempo presente: subsiste um resto, segundo a eleição da graça.” (Romanos 11: 5).
A Mensagem de Fátima ressoa com os fiéis católicos que amam a Missa Tradicional Latina e que também amam a Santa Igreja Católica e a sua história Apostólica que remonta ao tempo de Cristo e dos seus Apóstolos. Ao combater uma árdua batalha para defender e promover a Única Verdadeira Fé fundada por Cristo, somos confortados pelas palavras de Nossa Senhora de Fátima que, em 13 de julho de 1917, disse: “Por fim, o Meu Imaculado Coração triunfará.”
Hoje, eu gostaria de falar sobre uma mensagem de Fátima que ajudará a nos prepararmos para o triunfo do Imaculado Coração de Maria por Ela prometido. Quero falar da última das aparições do Anjo da Paz em 1916, também conhecido como o Anjo da Guarda de Portugal, que preparou Francisco, Jacinta e Lúcia para as aparições de Nossa Senhora no ano seguinte. O Anjo da Guarda de Portugal é conhecido pelos portugueses como sendo São Miguel Arcanjo, que nós, na Missa Tradicional Latina, invocamos regularmente após a Santa Missa em nossas Orações Leoninas.
O Anjo da Guarda de Portugal apareceu, pela terceira e última vez, aos três pastores na loca do Cabeço. O Cabeço é uma colina rochosa com uma caverna perto de sua parte inferior, uma reminiscência do Calvário com o túmulo de Cristo em sua base. O Cabeço é um dos meus lugares favoritos para conversar com os peregrinos sobre o Santíssimo Sacramento desde que o Anjo apareceu aqui com uma Hóstia Sangrante, da qual gotas do Preciosíssimo Sangue foram vistas pelas crianças caindo em um Cálice. Esta aparição do Anjo chama a atenção para o Preciosíssimo Sangue que Nosso Senhor e Nosso Deus, Jesus Cristo, derramou no Calvário, que recordamos em cada Santo Sacrifício da Missa.
Quando o Anjo deu a Sagrada Comunhão às três Crianças, somente a mais velha, Lúcia, recebeu a Sagrada Hóstia, uma vez que ela já tinha feito a Sua Primeira Comunhão. Mas as crianças mais novas, Francisco e Jacinta, que nunca fizeram a sua Primeira Comunhão, beberam do cálice o Preciosíssimo Sangue de Cristo. Isto NÃO foi um endosso da prática protestante da Comunhão sob ambas as espécies.
Quando o Anjo desapareceu, junto com o Cálice, Francisco perguntou para Lúcia se ele e sua irmã haviam recebido a Sagrada Comunhão, uma vez que não haviam recebido uma Hóstia. Lúcia respondeu corretamente que, seja na Hóstia Sagrada ou no Preciosíssimo Sangue, Jesus estava realmente e verdadeiramente Presente. Isto confirma a prática de séculos de receber somente a Hóstia Consagrada em uma Missa Tradicional Latina, e confirma que nosso Senhor Eucarístico está realmente e verdadeiramente presente em Seu Corpo, Sangue, Alma e Divindade somente na Hóstia. Não é preciso “beber da taça”, como dizem agora, para receber o Preciosíssimo Sangue de Cristo, quando está contido na Sagrada Hóstia.
Na consagração do Santo Sacrifício da Missa, toda a substância do pão se torna a substância do Corpo de Cristo, e toda a substância do vinho se torna a substância do Sangue de Cristo. Esta é uma descrição do Dogma Católico da Transubstanciação, reafirmado por esta aparição angelical em Fátima.
Mas então, por que o Anjo deu o Preciosíssimo Sangue para Jacinta e Francisco? Eu sinto que ele estava ensinando que a Mensagem de Fátima não era apenas para Católicos de Rito Latino, mas também para Católicos de Rito Oriental, nos ex-Estados Soviéticos, que logo encontrariam sua Santa Fé Católica ameaçada pelos erros da Rússia. Nos Ritos Orientais, as crianças fazem sua Primeira Comunhão como infantes no momento de seu Batismo, recebendo uma gota do Preciosíssimo Sangue na forma de Vinho. Depois disso, quando estão crescendo e são muito jovens para receber Jesus na forma de Pão, o Sacerdote lhes dá uma gota do Preciosíssimo Sangue com a pequena colher usada para administrar a Sagrada Comunhão no Ritual Católico Bizantino.
Para os nossos tempos, essa referência aos Ritos Orientais também poderia trazer conforto aos católicos que se sentiam abandonados pela protestantizada Missa Novus Ordo e centrada no homem. Como os refugiados do Rito Oriental que fugiam da Rússia Comunista, muitos católicos do Rito Latino fugiram para um refúgio seguro das igrejas católicas do Rito Bizantino, onde suas antigas e lindas Liturgias Divinas Tradicionais, centradas em Deus, ainda estavam sendo oferecidas após o Vaticano II. Talvez isso também seja parte da Mensagem de Fátima.
Mas, em última análise, somos católicos de Rito Latino e não estamos em casa sem a nossa Missa Tradicional Latina. Agradecemos a Deus e a Nossa Senhora de Fátima pelas poucas oportunidades que temos de oferecer publicamente a Missa Imemorial das Idades. Pode parecer que temos um longo caminho a percorrer antes que a Missa Tradicional Latina seja totalmente restaurada e disponível para os católicos em todos os lugares e em uma base diária, sem restrições. Mas, Nossa Senhora de Fátima nos dá esperança, como disse em Fátima: “Por fim, o Meu Imaculado Coração triunfará”.
Na Ladainha de São Miguel Arcanjo, dois dos títulos usados em referência ao Príncipe da Milícia Celestial são “Anjo da Paz” e “Anjo Guardião da Eucaristia” – títulos associados com as aparições do Anjo de 1916 em Fátima. Ao lutar decididamente pela completa restauração da Missa Tradicional Latina e rezar pelo Triunfo do Imaculado Coração de Maria, vamos fechar com a oração a São Miguel Arcanjo:
São Miguel Arcanjo, defendei-nos neste combate, sede nossa guarda contra a maldade e ciladas do demônio. Instante e humildemente pedimos que Deus sobre ele impere; e vós, príncipe da milícia celeste, com o poder divino, precipitai no inferno a Satanás e aos outros espíritos malignos, que vagueiam pelo mundo para perdição das almas. Amém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário